Tempo de leitura: < 1 minuto

O Museu Natural de História de Sintra quer dar a conhecer uma das principais coleções nacionais privadas de peças egípcias.

Se por acaso estiveres a passear pelo Museu de História Natural de Sintra, a partir de 18 de maio, e vires-te ao lado de um faraó, não te preocupes. Não acabaste de entrar num dos famosos filmes da “Múmia”, simplesmente é sinal de que já chegou uma das principais coleções privadas de peças egípcias ao Museu de História Natural de Sintra.

A Câmara Municipal de Sintra acolhe, entre o dia 18 de maio e 18 de setembro, a exposição “Das Terras Férteis do Nilo – Símbolos de uma Civilização”, que possui símbolos e peças que cobrem mais de três mil anos de história do país dos faraós, desde o período Pré-dinástico (anterior a 3100 a.C.), representado por recipientes em terracota e já com uma textura suave, até à época Copta (395-642 d.C.), representada por fragmentos de tecido e uma âmbula em terracota com a imagem de São Menas, taumaturgo e mártir. 

O vasto período do Egipto Faraónico encontra-se aqui representado por vários objetos como amuletos, bronzes, estatuetas e “chauabtis” (figuras funerárias).

 

Etiquetas:

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.