Tempo de leitura: < 1 minuto

Se és vegetariano e tens um orçamento apertado, temos uma sugestão para ti: evita os produtos processados que podem chegar a ser 104% mais caros do que os tradicionais.

Não é regra e há excepções, claro mas há restaurantes em que as refeições vegetarianas são mais caras do que opções com carne ou até com peixe. E a culpa é dos produtos processados.

Segundo a Deco Proteste, ser vegetariano não é a opção mais acessível, sendo que o preço dos produtos processados vegetarianos pode ser entre 11 a 104% superior aos não-vegetarianos. E isto porquê? 

Segundo os produtores destes mesmos produtos, a diferença substancial de preço, comparativamente aos preços dos produtos processados tradicionais, deve-se ao facto do mercado vegetariano ainda ser pequeno e, por isso mesmo, não ser possível obter tanto lucro. 

Apesar de existirem alguns produtos alimentares aptos para vegetarianos que não diferem em muito dos valores praticados nos alimentos tradicionais, a maioria é significativamente mais cara. Por exemplo, segundo a Deco Proteste, o caso mais flagrante é o do substituto do queijo, com base em gordura de coco, que custa mais 16 euros por quilo do que o queijo tradicional. 

E o mesmo acontece com hambúrgueres ou panados de origem vegetal, que chegam a ser 10 euros mais caros do que os não-vegetarianos. 

Apesar de o número de vegetarianos ser cada vez mais alto e ter quadruplicado em Portugal nos últimos 10 anos.

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.