Tempo de leitura: 2 minutos

Acabaste de te mudar para Lisboa e está-te a apetecer um hambúrguer, depois de terminares as mudanças? Ou acabaste de receber uma boa nota naquele exame que achavas que te tinha corrido mal e queres ir celebrar? Ou, simplesmente, estás com fome? Então fica a conhecer duas burguer joints para impressionares os teus amigos, os teus pais ou até a tua cara-metade. E não te preocupes, porque ficam dentro do orçamento de um universitário.

A Cultura do Hambúrguer

A Cultura do Hambúrguer apresenta uma variedade de hambúrgueres artesanais, feitos no momento e com um toque de originalidade do chefe e dono do espaço, que viveu 10 anos em Nova Iorque. Atualmente, localiza-se na Rua Salgadeiras 38, no Bairro Alto, com uma decoração acolhedora e clássica lisboeta.

Na ementa, há hambúrgueres para todos os gostos e feitios. Desde os típicos hambúrgueres com queijo e bacon às saborosas opções vegetarianas e opções fora da caixa, como os hambúrgueres com recheio de sapateira ou chouriço. E, a melhor parte, é que os menus são bastante acessíveis – sendo que o menu mais caro custa cerca de 10 euros. Assim, a Cultura do Hambúrguer é um dos poucos restaurantes onde o preço não dita a qualidade.

Para além dos hambúrgueres artesanais, existem também menus de pregos, à verdadeiro português, com o toque do chefe. A melhor parte é que podes pedir para entregarem em tua casa, sendo que possuem um serviço de entregas.

Dallas Burguer Joint

O restaurante Dallas localiza-se na Travessa Remolares 41, perto da Rua Rosa, e está aberto até às 23h, o que o torna o sítio perfeito para jantar antes de começares a tua noite. O Dallas destaca-se pelo ambiente acolhedor, ótima música, uma decoração americana que te transporta para os anos 90 e um atendimento rápido.

O menu típico é um hambúrguer com batatas fritas e milk shake, mas a ementa tem imensa variedade, em termos de combinações de hambúrgueres, e possuem bastantes opções vegetarianas. Para além disso, os ingredientes utilizados são da mais alta qualidade, dado que só trabalham com criadores de gado e hortas sustentáveis e orgânicas. Em termos de intervalo de preços, um menu costuma variar entre os 9 e os 20 euros, mas, pela qualidade que oferecem, é uma “pechincha”.

Contudo, o restaurante funciona sem reservas e em regime “walk in”. Portanto, a minha sugestão é ir em dias de semana ou então em horários de pouco movimento. No entanto, caso te apeteça experimentar o restaurante, mas não te apeteça deslocar até ao Cais do Sodré ou ficar à espera, não te preocupes, pois, o restaurante está igualmente disponível no Uber Eats. De qualquer das formas, recomendo ir ao local para viver a experiência completa. 

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.