Tempo de leitura: 2 minutos

Espanha é o primeiro país europeu a proibir o tabagismo em todas as suas praias. Ainda não se sabe a data exata em que será lançada a nova medida, mas já é conhecido o valor das multas para quem arriscar contornar a lei. 

Depois de uma petição online ter alcançado milhares de assinaturas, é oficial: Espanha vai mesmo abolir o tabagismo nas praias. Embora ainda não exista uma data definida para a implementação desta lei, já é conhecido que será proibido fumar em todas as praias espanholas, com as multas a ultrapassarem os dois mil euros.

A proibição do tabaco nas praias não é novidade em Espanha. No verão de 2021, foram feitas algumas experiências em Barcelona, que segundo o jornal El País, foi algo “bem aceite” pelos cidadãos espanhóis.

O objetivo? É simples: combater a poluição causada pelos cigarros, nomeadamente pelas beatas, nos mais de quatro mil quilómetros de costa do país. Já que se trata de um poluente que contém plásticos que não são biodegradáveis e que emanam compostos tóxicos.

Outros países e regiões, como a França e a Sardenha, também já proibiram os cigarros em algumas praias, mas Espanha é o primeiro país da Europa a abolir por completo o tabagismo nas praias do país. 

E o plano anti-tabagismo do governo espanhol vai mais além: já que, até 2023, poderá ser proibido em espaços públicos fechados e até no próprio carro. Já para não falar de que prevê aumentar os impostos sobre produtos relacionados com tabaco e proibir a publicidade ‘disfarçada’ nas redes sociais, avança o “AutoBild”.

Este plano tem ainda como objetivo cumprir as metas impostas pela Organização Mundial de Saúde (OMS), que tem como meta reduzir o consumo de tabaco até 30% em 2025.

Em Portugal, até à data, não há qualquer regra ou artigo no Código da Estrada (CE) que proíba um cidadão de fumar enquanto conduz, apesar de o ato de fumar poder ser enquadrado neste artigo do CE:  “os condutores devem, durante a condução, abster-se da prática de quaisquer ações que sejam suscetíveis de prejudicar o exercício da condução com segurança”. Sendo que a multa prevista neste artigo pode ir dos 60 aos 300 euros.

 

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.