Tempo de leitura: 3 minutos

Já alguma vez acordaste a queres sentir-te turista na cidade onde vives? Já alguma vez sentiste que não conheces como deve ser a cidade onde cresceste? Acabaste de te mudar para Lisboa e queres visitar sítios que permitam melhorar a tua cultura? Ou, simplesmente, te apetece visitar museus? Se respondeste que sim a uma, duas ou a todas estas perguntas, aqui ficam três sugestões de museus que não podem faltar no teu futuro percurso cultural pela cidade de Lisboa. 

Museu do Oriente

Localizado em Alcântara (Doca de Alcântara Norte, Av. Brasília), o Museu do Oriente foi inaugurado em 2008 e está instalado no edifício Pedro Álvares Cabral, numa construção portuária do início dos anos 40 – que, por si, já é um edifício com peso histórico em Portugal, sendo que era o antigo armazém da Comissão Reguladora do Comércio do Bacalhau.

O Museu do Oriente apresenta-se como um museu multicultural, que preserva, em todas as vertentes, o património material e imaterial de vários países asiáticos. Da presença portuguesa em vários territórios orientais, como a Índia, Sri Lanka, Japão, China, Timor-Leste, Macau, entre outros, resultaram, para além de trocas comerciais, trocas científicas, culturais, vivenciais, técnicas e religiosas, que contribuíram para o desenvolvimento dos conhecimentos do mundo.

Assim, ao longo do ano, o museu organiza e oferece uma programação completa, recheada de exposições, cursos e workshops que permitam explorar temas de história, arte, cultura material ou antropologia, para além de experimentar técnicas artesanais e artísticas, sobretudo as de origem asiática.

O museu está aberto de terça a domingo, entre as 10h00 e as 18h00 horas, sendo que à sexta-feira está aberto até às 20h00. Os preços rondam os seis euros por pessoa, mas, caso estejam “em contenção de custos”, à sexta-feira, entre as 18h00 e as 20h00, a entrada é gratuita.

Museu do Fado

Desde a sua abertura, em 1998, que o Museu do Fado presta a sua homenagem, investigando, conservando e promovendo as singularidades desta arte performativa, oriunda dos bairros históricos lisboetas, que, ao longo de 200 anos, foi capaz de absorver influências culturais e tecnológicas, tornando-a no património cultural mundial que é hoje.

O Museu do Fado assume conceptualmente o Fado como uma arte performativa em permanente evolução e, por isso, integra diferentes valências funcionais, como a escola do Museu, centro de documentação, auditório e um circuito de exposições permanentes e temporárias. Estes equipamentos contribuem para a preservação, conservação, investigação, promoção de divulgação do Fado e da Guitarra Portuguesa.

Assim, neste contexto, o museu tem desenvolvido uma série de programas e atividades, que incluem a realização de exposições temporárias, seminários, workshops e apresentações discográficas e editoriais.

O Museu do Fado está localizado no Largo do Chafariz de Dentro, nº1, em Alfama, e está aberto de terça a domingo, entre as 10h00 e as 18h00. A entrada custa 5 euros e 2,5 euros para pessoas com idades compreendidas entre os 13 e os 25 anos. Portanto, se fores um fanático por história e música, este é um museu a incluir no teu roteiro.

Museu do Dinheiro

O Museu do Dinheiro localiza-se na antiga igreja de S.Julião e, através de vários núcleos temáticos, permite que o visitante perceba um pouco mais sobre a importância do dinheiro no mundo, a sua origem e história ao longo dos séculos, e o papel do dinheiro na vida de cada cidadão.

Imprimir moedas e notas virtuais com a cara do visitante, ver ao microscópio de que são feitas e tocar numa barra de ouro são algumas das atividades que os visitantes poderão experienciar ao visitar este museu. Além dos vários espaços de aprendizagem, o museu ainda está equipado com uma cafetaria, uma loja, um auditório, um centro de educação financeira, algumas áreas de acolhimento e várias salas de experimentação. A melhor parte deste museu é que a entrada é sempre gratuita! 

O Museu do Dinheiro está aberto de quarta a sábado, entre as 10h00 e as 18h00.

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.